quarta-feira, dezembro 08, 2010

USO DE BETA-BLOQUEADORES NA SEPSE

Novotny N et al: Shock 2009; 31: 113-119

Os autores fazem uma revisão em relação ao uso experimental de beta-bloqueadores na sepse. Os beta-bloqueadores diminuem a produção de citocinas pró-inflamatórias, reduzem a resistência à insulina (bloqueiam a resposta adrenérgica) melhorando o metabolismo dos carboidratos, e amenizam a disfunção cardíaca associada à sepse.

Flávio E. Nácul