segunda-feira, junho 06, 2011

O MILAGRE DE BOLSENA: SERIA A SERRATIA O SANTO RESPONSÁVEL?

Um dos milagres mais famosos da igreja católica aconteceu na cidade de Bolsena - Itália em 1264. O Padre Pedro de Praga que visitava a Itália durante uma profunda crise de fé, foi convidado para celebrar uma missa na Igreja de Santa Cristina. Durante a cerimônia, percebeu que havia um pigmento vermelho no pão que seria distrubuído aos fiéis. O pigmento vermelho foi interpretado como sangue e a transformação de pão em sangue foi considerado um milagre. A partir deste milagre foi criado o Corpus Christi. O Padre Pedro de Praga voltou a acreditar nos ensinamentos de Deus e o milagre foi imortalizado pelo pintor Rafael em 1512 num afresco localizado no Vaticano. Cientistas suspeitam que o pão utilizado por Pedro de Praga estava contaminado por Serratia, bactéria que produz uma coloração avermelhada nos alimentos que ela contamina. Por esta razão a Serratia é conhecida por bactéria vermelha. Trata-se de um agente gram negativo, anaeróbico facultativo da família das enterobactérias que até 1960 era considerada inofensiva. Hoje se sabe que ela produz infecções em humanos.

Flávio E. Nácul