sexta-feira, março 10, 2017

METOCLOPRAMIDA COMO PRÓ-CINÉTICO

A metoclopramida é utilizada como agente pró-cinético do TGI no paciente crítico. No entanto, pode provocar efeitos adversos neurológicos como tremores, acatisia, distonia, convulsões e manifestações extra-piramidais. Seu uso está associado ao aumento do intervalo QT no ECG e ao aparecimento de taquifilaxia após poucos dias de uso.

Flávio E. Nácul