domingo, junho 25, 2017

EFEITOS ADVERSOS DA METOCLOPRAMIDA

A metoclopramida é uado em medicina intensiva como anti-emético e pró-cinético. Seu mecanismo de ação inclui o antagonista dopaminérgico (D2) e agonismo serotoninérgico (HTR4). Pode causar discinesia, acatisia, distonia, tremores, convulsão, hipertonia e arritmias cardíacas. 


Flávio E. Nácul