sábado, maio 31, 2008

BIOMARCADORES PLASMÁTICOS DE ISQUEMIA INTESTINAL

Block T, et al.

Scand J Clin Lab Inv 2008; 68: 242-8

A isquemia intestinal é uma condição de alta mortalidade porém de difícil diagnóstico. Block e cols. pesquisaram a acurácia de diferentes biomarcadores plasmáticos para o diagnóstico de isquemia intestinal através de um um estudo prospectivo em 50 pacientes com idade superior a 50 anos admitidos com dor abdominal. Foram avaliados D-lactato, alfa glutatião S-transferase, intestinal fatty acid binding protein, creatinina kinase B, isoenzimas do LDH, fosfatase alcalina hepática, e dímero-D. Entre os biomarcadores analisados, apenas o dímero-D apresentou uma boa associação (p< 0,001)revelando ter uma boa sensibilidade já que nenhum paciente com dímero-D normal tinha isquemia intestinal. A presença de dímero-D superior a 0.9 mg/L apresentou uma especificidade de 82%. Os demais biomarcadores não mostraram uma boa acurácia. Os autores concluiram que o dímero-D pode ser útil na exclusão de isquemia intestinal.

Flávio E. Nácul